Vendas no Bocal de Ouro registram alta em relação ao ano passado

A liquidez chamou a atenção nos cinco leilões realizados durante o Bocal de Ouro 2018 no Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio (RS), e que estiveram sob o comando da Trajano Silva Remates. Foram vendidos os 250 cavalos da raça Crioula ofertados nos remates. O total alcançado nos Leilões das …

cabanhas Carpe Diem, Mapocho e Passo da Lage, Infinito e Convidados, Don Marcelino e La Castellana, Cabanha Malke e Reconquista Agropecuária foi de R$ 4,44 milhões, 7% acima do faturamento do ano passado, que foi de R$ 4,15 milhões

Já a média teve alta de 19,2%, fechando em R$ 24,08 mil contra os R$ 20,2 mil registrados no Bocal de Ouro de 2017. O grande destaque foi a comercialização de quatro cotas de 4% cada do garanhão AS Malke Sedutor-TE, grande campeão da última Expo FICCC, realizada na Argentina em 2015, pelo valor total de R$ 915 mil, durante o leilão comemorativo de 30 anos da Cabanha Malke, de Uruguaiana, realizado no sábado, 7 de abril.

O diretor presidente da Trajano Silva Remates, Marcelo Silva, coloca que o mais importante foi a liquidez registrada com a média de comercialização dos animais ficando dentro das expectativas. Ressalta ainda as cotas diferenciadas que foram disponibilizadas e também a presença de investidores de fora do Rio Grande do Sul. “Tivemos compradores de nove Estados. Acredito que a raça Crioula está começando uma retomada de forma tranquila e ascendente”, observa.

Foto: AgroEffective/Divulgação

Texto: Rejane Costa/AgroEffective