Pentacampeão olímpico, alemão morre aos 91 anos de idade

Hans Günter Winkler em evento na Alemanha em 2015 Imagem Andreas Rentz-Getty Images

O cavaleiro alemão Hans Günter Winkler, considerado uma lenda no hipismo por ter conquistado cinco medalhas de ouro, uma de prata e outra de bronze em seis edições dos Jogos Olímpicos, morreu aos 91 anos, segundo informou a Federação Equestre Alemã em comunicado divulgado nesta segunda-feira.

Fonte: UOL Esporte

Nascido em 24 de julho de 1926, Winkler é o cavaleiro mais bem-sucedido da história olímpica por somar cinco ouros nos saltos: em 1956 na competição individual e por equipes em 1956, 1960, 1964 e 1972, além de um bronze em 1968 e uma prata em 1976, também por equipes. Além disso, foi bicampeão mundial em competição individual.

Hans Günter Winkler em evento na Alemanha em 2015 Imagem Andreas Rentz-Getty Images
Hans Günter Winkler em evento na Alemanha em 2015 Imagem Andreas Rentz-Getty Images

Hans Günter Winkler ficou famoso principalmente com a égua Halla, a qual descreveu como “uma mistura de gênio e louca”, e pela participação nos Jogos Olímpicos de 1956, com sede em Melbourne, na Austrália, mas cujas provas de hipismo foram disputadas em Estocolmo, na Suécia.

Winkler sofreu um estiramento muscular na virilha na rodada de classificação individual e por equipes, e mesmo assim conseguiu dois ouros olímpicos com Halla.

O cavaleiro ainda conquistou títulos europeus, mundiais e olímpicos com outros sete cavalos. No dia 13 de julho de 1986, se aposentou após 35 anos em atividade.

Porta-bandeira nos Jogos Olímpicos de 1976 em Montreal, Winkler foi uma “personalidade única” não só no mundo do esporte e transmitia coragem às pessoas, afirma o comunicado.

“Hans Günter Winkler foi um grande atleta durante a carreira e também depois dos anos em atividade fez infinitamente muito pelo nosso esporte, sobretudo pelos talentos emergentes. Viveu a vida com grande disciplina e paixão”, afirmou Breido Graf zu Rantzau, presidente da Federação Equestre Alemã.