Nata jovem do hipismo mostra força rumo ao Sul-americano 2019 no Paraguai

Entre 12 e 14/4, a Sociedade Hípica Paulista foi palco da 3ª de quatro seletivas da 1ª fase para formação dos Times Brasil rumo ao Sul-americano da Juventude 2019, entre 16 e 22/10, no Paraguai.

Fonte: Carola May e Rute Araújo

Processo seletivo para o Sul-americano chegou a sua 3ª de 4ª etapas da 1ª fase na Sociedade Hípica Paulista com ótima participação. Jovens talentos lutam por uma vaga nos Times Brasil que na última edição do Sul-americano tiveram 100% de aproveitamento em todas as categorias.

Onde hospedar (estabular) seu cavalo
A disputa reuniu 102 jovens talentos entre 12 e 18 anos de oito estados. Com alto nível técnico foram disputadas quatro categorias: Pré-mirim, 10 a 12 anos, a 1.10 metro, Mirim, 12 a 14 anos, 1.20 metro, Pré-junior, 1.30 metro, e Junior, 1.40 metro. Em 2019, o Brasil tem a difícil missão de igualar o resultado do Sul-americano da Juventude 2018, no Chile, em que a nata jovem do hipismo dominou o pódio individual e por equipes com 100% de aproveitamento em todas as categorias, incluindo ainda Young Riders, 1.45 metro.

A armação dos percursos, mais uma vez, esteve a cargo da course-designer internacional e ex-amazona olímpica Lucia Faria Alegria de Simões, que também idealizou os percursos das primeiras duas seletivas na Sociedade Hípica Paranaense em Curitiba e no Caxangá Golfe e Country Club, em Recife. A 4ª e última seletiva será na Sociedade Hípica de Brasília, entre 16 e 19/5.

Regras do jogo

Vivian Kang com Luna Pullman, campeã Mirim (Luis Ruas)
Vivian Kang com Luna Pullman, campeã Mirim (Luis Ruas)

Na primeira fase das seletivas, os jovens talentos devem participar em no mínimo duas das quatro etapas. Na 2ª fase, no Campeonato Brasileiro de Juventude, entre 11 e 14/7, no Clube Hípico de Santo Amaro (SP), a participação é obrigatória. Já na categoria Young Riders (16 a 21 anos), a 1.45 metro, o Campeonato Brasileiro, entre 25 e 28/7, na Sociedade Hípica Brasileira (RJ) definirá a escalação das equipes.

Em todas as quatro etapas da 1ª Etapa para efeito de contagem da seletiva valem as duas primeiras provas e a última define somente a classificação geral de cada seletiva. Em breve a Confederação Brasileira de Hipismo (CBH) divulgará a contagem oficial da seletiva após 3 de 4 etapas. Caio Sérgio de Carvalho, renomado treinador, ex-cavaleiro olímpico e coordenador das categorias de base da CBH, acompanhou de perto o desempenho dos jovens em todas as categorias.

“Nas seletivas a gente não visa somente selecionar e observar, mas principalmente preparar os jovens talentos. O grau de dificuldade vai aumentando gradativamente visando o Campeonato Brasileiro que, por sua vez, prepara para o Sul-Americano. Ao longo das seletivas também vamos conhecendo os cavaleiros e além da performance, notamos quem é mais frio ou se pressionado”, destaca Caio Sérgio de Carvalho, que acompanha os jovens talentos na preparação e nos Campeonatos Sul-americanos há cerca de 14 anos. “Desde quando começamos esse trabalho, muitos jovens talentos já estão disputando GPs, realmente é muito bom contribuir na renovação do esporte”, complementa Caio Sérgio. Ao lado dos pais e treinadores, Ronaldo Bittencourt Filho, presidente da CBH, também prestigiou a competição.

 

Campeões classificação geral da 3ª seletiva

Com duas classificações em 2º lugar e o 8º posto na prova final, o jovem talento paulista Pedro Egoroff que coleciona títulos estaduais, nacionais e internacionais desde a categoria Mini-mirim foi o vencedor da categoria Junior com sua nova montaria Umeunig Z . Estreando na categoria Pré-junior em 2019, a amazonense Lara Ozores de Souza, uma das grandes revelações da nova geração do hipismo, montando SL Ilustre foi a campeã na classificação geral chegando em 6º, 15º e 1º lugar.

Em seu primeiro ano na categoria Mirim, a paulista Vivian Park Kang, a campeã sul-americana Pré-mirim 2018, levou Luna Pullmann ao topo do pódio classificando-se em 3º, 2º e 1º lugar. Finalmente, na categoria Pré-mirim, o jovem talento de Minas Gerais Henrique Dias Renno Silva com Oracle Tok garantiu o topo do pódio computando com um 2º, 1º e 4º lugar.

Junior
Campeão Pedro Malucelli Egoroff / Umeunig Z – FPH – 11,32 pontos perdidos (pp)
Vice Raphael Montesano Mari / Gicara 2 – FPH – 18,72 pp
3º Sofia Correira Barrozo / Coriolana JMen – FPrH – 30,79 pp

Pré-junior
Campeã Lara Ozores de Souza / SL Ilustre – FAMH – 2,52pp
Vice João Pedro de Almeida Chaves / Calanthus JMen – FEP – 5,33pp
3º Otaviano Vilaça / Vanety Z – FPH – 6,05 pp

Mirim
Campeã Vivian Park Kang / Luna Pullman – FPH – 0 pp – 30s72
Vice Isadora Pastore Resende Vilela / GB Cestelle – FPH – 0 pp – 32s46
3º Felipe Mello Siqueira / Silver Sea 3k – FPH – 1 pp

Pré-mirim
Campeão Henrique Dias Renno Silva / Oracle Tok – FHMG – 52 pontos
Vice Isabella Toledo / Kauana Welestina – FPH – 45 pontos
3º Bettina Rojas Bastos Mello / Ziezo HB- FSMH – 45 pontos

Agenda Seletivas

CSN I Etapa Summer Tour – Curitiba – Paraná: 14 a 17/3
CSN I Etapa Circuito Norte Nordeste – Caxangá Golf e Country Club – Pernambuco: 22 a 24/3
CSN Seletiva SP – Sociedade Hípica Paulista – SP: 11 a 14/4
CSN XIV Copa JK – Sociedade Hípica de Brasília – DF: 16 a 19/5
CBS Pré Mirim, Mirim, Pré-Junior, Junior – Clube Hípico de Santo Amaro – SP: 11 a 14/7
CBS Young Rider – Sociedade Hípica Brasileira – RJ – 25 a 28/7

Fonte: Carola May e Rute Araújo

Onde hospedar (estabular) seu cavalo
Banner Thaty Aulas
Tecnologia, segurança, prevenção a fraudes, sistemas, inovação, IoT, monitoração
Banner AryBotas
Banner Spur